Quarta-feira, 15 de Setembro de 2004

Adopção Canina

images.jpg

Toda a gente sabe que a amizade não se compra, que os afectos são sentimentos mútuos, mas o que não sabem é que não há carinho nem gratidão maiores do que os de um cão abandonado e adoptado por um novo lar e, consequentemente, por um novo dono.
Hoje, o número de abandonos de animais está a aumentar consideravelmente. Muitas pessoas não adquirem cães abandonados porque acham sempre que estão doentes, que são velhos e agressivos, que por serem abandonados são uns selvagens. Todos os animais que são abandonados merecem uma oportunidade; não se esqueça que eles sofrem e a culpa é nossa ainda que não sejamos os culpados directos, a verdade é que todos convivemos com esta dura realidade e nada fazemos para a alterar.
Todas as pessoas que desejem muito um animal, deviam pensar em adoptar um abandonado em vez de comprar, pois se há um que precisa da nossa ajuda o outro encontra-se junto dos seus irmãos e da sua mãe. Não se esqueça que quando adoptamos um cão, salvamos duas vidas: a do cão que levamos para casa e a do que vai ocupar o lugar que ficou vago no canil. Cães, sobretudo, são vítimas de abandono cada vez mais em Portugal e é incrível o que podemos ganhar com um novo amigo em casa, sim, porque, as únicas coisas que vão contra o comodismo é levar o animal à rua, dar-lhe de comer, oferecer-lhe atenção, etc., e o que é isto comparado com o olhar ternurento como o seu animal olha para si agradecendo a nossa amizade?, o que é isto comparado com uma lambidela que revela gratidão? E o que é isto comparado com os inúmeros gestos lindos com que um cão nos presenteia, todos os dias? Um cão abandonado é sempre uma companhia mas mais especial que os outros caninos, porque ao adoptarmos um cão estamos a dar-lhe uma oportunidade de ser feliz, de se sentir amado, seguro, desejado e o que ele nos pode dar em troca… bem, a retribuição é impossível de quantificar.
E lembre-se, a adopção é um começo para combater esta sociedade insensível e egoísta.

Cláudia Silva

publicado por claudiapcs às 21:32
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 12 de Setembro de 2004

Uma luta para a sobrevivência

Nos Estados Unidos, em Janeiro de 1925, a cerca de 30ºC negativos, os Tchuktches (tribo que vivia da criação de renas, da caça e da pesca e que se deslocava através de trenós puxados por cães) tornaram-se heróis.
Uma epidemia de difteria alastrava por toda a cidade de Nome situada no Alasca. As reservas de soro eram insuficientes, não chegavam para a população infectada com este vírus, e uma forte tempestade impedia o avião de descolar. Mas, felizmente, lá estavam os cães. Um Husky chamado Balto e os seus irmãos atravessaram todo o Estreito de Behring gelado e foram buscar o soro necessário. Esta corrida de loucura, da qual todos os meios de comunicação se fizeram eco, durou 127 horas: mais de 5 dias. E agora digam-me se é por acaso que o Husky Siberiano é conhecido como o Cão da Neve além de ser uma raça encantadora.
publicado por claudiapcs às 15:03
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Husky – O mais rápido do Alasca

treno.jpg

Todos os cães nórdicos gostam de puxar um trenó pela neve. Para eles não se trata de um trabalho antes pelo contrário, estes cães sentem um grande prazer.
O Husky Siberiano não é o mais forte dos cães nórdicos, mas é o mais rápido. Nas corridas de trenó ou de pulka (pequeno trenó puxado por um só cão amarrado atrás da pulka cujo dono o segue com esquis de fundo), o Husky bate todos.

publicado por claudiapcs às 15:01
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 11 de Setembro de 2004

Timon… um Husky incompreendido pelos gatos?!

021_21.jpg


Olá, chamo-me Timon e sou um borracho de cachorro como também um pouco travesso.
Vou-vos contar uma das minhas inúmeras peripécias com um dos meus companheiros que residem comigo e com os meus donos.
Certo dia sem os meus donos darem por isso, julgo eu, entrei muito sorrateiramente dentro de casa e como eu sou muito comilão dirigi-me agilmente à adega rústica onde “mora” a Luna, uma gata muito independente e defensora do seu território. Como já se deviam ter apercebido fui fazer uma “visita” ao seu comedouro, sabem é que eu sempre tive uma pequena grande admiração por comida de gato, qual é o meu espanto quando ao saborear a deliciosa comida vejo que afinal não estava só, a Luna estava lá…, bem nem é preciso dizer mais nada a não ser a parte em que levei uma grande tareia. Lição de Moral: Nunca comas a comida dos outros se não queres pagar o seu preço. Posso dizer agora que nunca mais comi comida de felinos, mas a tentação tem sido muita.

História enviada para a Revista Cães & Companhia









publicado por claudiapcs às 18:40
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

A Vida de Timon vs. O Meu Sonho

011_11.jpg

Foi no dia 22 de Maio pelas 12 horas que chegou a casa aquele que há muito era um sonho de muitos anos, apesar de eu já ter passado por essa experiência e não ter sido muito bem sucedida.
Era preto e branco com uns olhos azuis simplesmente encantadores, tinha uma máscara muito bonita em formato de estrela, mesmo no centro da sua cara, paralela com o seu focinho. Decidi-mos dar-lhe o nome de Timon, o cão que veio mudar não o mundo mas a minha vida. Não sei em que instante me comecei a apaixonar por esta raça, apenas sei que é uma raça que me diz algo, talvez pela sua história formidável.
O Timon é natural de Ovar apesar de já não residir lá, tem agora 5 lindos meses e está cada vez mais bonito e engraçado. Nasceu da união de Timmy de Mataiotez, filho de Kalash Martin’s Dog’s (pai) e Blondie Blue de Mataiotez (mãe), e de Jabba cujos pais são Adarc Alarcon’s Muskuila e Irys, respectivamente.
Timmy de Mataiotez foi campeão da Península Ibérica em 1998 e Jabba ganhou o prémio de Beleza em 2000 em Aveiro.
Timon é a minha mascote preferida por ser dócil, meigo, teimoso, rebelde e todos os mais adjectivos que o caracterizem.

publicado por claudiapcs às 18:37
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

TIMON e os seus 4 meses

068_68.jpg
publicado por claudiapcs às 12:36
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. As quatro fases dos Prote...

. As quatro fases dos Prote...

. CITAÇÃO

. Beleza natural

. A partilha...

. União Animal

. Caracterização geral

. Um desejo...

. Solidariedade

. CITAÇÃO

.arquivos

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Setembro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds